MEMORIAL 31 DE MARÇO DE 1964

MEMORIAL 31 DE MARÇO DE 1964
Avião voa sobre a orla carioca em 31/03/2014, ostentando faixa com os seguintes dizeres: "PARABÉNS MILITARES - 31/MARÇO/64 - GRAÇAS A VOCÊS O BRASIL NÃO É CUBA". Clique na imagem acima para acessar MEMORIAL 31 DE MARÇO DE 1964 - uma seleção de artigos sobre o tema.

quinta-feira, 14 de abril de 2016

Mapa do Impeachment

Mapa do Impeachment




Clique no mapa de cada Estado e envie mensagem pelas redes sociais.

Estimados familiares e amigos

 A presidente Dilma não possui mais nenhuma condição de governar o Brasil. E a permanência da presidente significa também a influência negativa do Lula. Os dois estão colocando o Brasil em perigo e incentivando uma guerra civil. Sabemos o que isso pode significar, embora a população confie na efetiva participação das Forças Armadas no momento necessário. Mas, a missão do soldado nunca foi fazer a guerra. A manutenção da paz é a sua principal missão, embora para isso, algumas vezes, o uso da força seja necessário. E os soldados estão preparados para isso.
 Assim, nenhum brasileiro pode se omitir. Agora, o principal objetivo é retirar a presidente Dilma, o Lula e o PT do poder. Depois, na sequência da Operação Lava Jato, quem cometeu qualquer tipo de crime deverá ser afastado da vida pública. O objetivo final é conquistado por partes.
 O Estadão está publicando diariamente o placar do IMPEACHMENT, para a votação que ocorrerá na Câmara dos Deputados. No dia 6 de abril: A favor - 245; Contra - 110; Indecisos - 58; Não responderam - 100, totalizando 513 deputados. No dia 7 de abril: A favor - 274; Contra - 114; Indecisos - 63; Não responderam - 62. Serão necessários 342 votos a favor, para que o processo do IMPEACHMENT seja encaminhado para julgamento no Senado.
 A nossa missão é pressionar os deputados, particularmente os indecisos, para que os mesmos atendam ao desejo de mais de 70% do nosso povo. Vários já mudaram para "a favor", embora muitos não mereçam a nossa confiança.
 Estou fazendo isso, com mensagens mais pessoais para alguns deputados e outras mais genéricas e simples, mas com apelo forte, que podem ser dirigidas, com cópia oculta, para uma relação de deputados. 
 Passem também para os que estão contra, para que eles sintam a pressão das ruas. E, se for o caso, incentivem os favoráveis.
 Caso aprovado na Câmara, a luta no Senado será ainda mais dura. O prazo é curto.
 Vejam o Mapa do Impeachment organizado pelo "Movimento Vem pra Rua". Cliquem no mapa de cada Estado e enviem mensagens por e-mail ou por outras redes sociais.    
Grande abraço. Osório 


13/04/2016