MEMORIAL 31 DE MARÇO DE 1964

MEMORIAL 31 DE MARÇO DE 1964
Avião voa sobre a orla carioca em 31/03/2014, ostentando faixa com os seguintes dizeres: "PARABÉNS MILITARES - 31/MARÇO/64 - GRAÇAS A VOCÊS O BRASIL NÃO É CUBA". Clique na imagem acima para acessar MEMORIAL 31 DE MARÇO DE 1964 - uma seleção de artigos sobre o tema.

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

A solução para Maré - made in USA!

A solução para Maré - made in USA!

Entrevista de um general americano sobre como ele planejaria a invasão de uma favela carioca. O general americano entende do assunto.
                            Um jornalista brasileiro entrevista um general americano e pergunta o que ele faria se fosse chamado para invadir uma favela do Rio de Janeiro para combater criminosos. O general começou dizendo que cercaria toda favela e em uma hora o problema seria resolvido e explica:

- Primeiramente, eu utilizaria helicópteros de combate com fogo total, utilizando misseis e metralhadoras, eliminando pessoas que estivessem portando armas, bem como as edificações que estivessem dando abrigo a atiradores ou servindo como quartéis...

O Jornalista interrompe:

- Mas e o povo civil...?

O general diz: - espera aí, deixa eu terminar e continua - após o ataque com helicópteros, utilizaria tanques e carros de combate, também com fogo total, como complemento ao ataque aéreo...

Novamente, o jornalista interrompeu:

- Mas e a comunidade inocente...!?

O general novamente pediu que o esperasse terminar e continuou:

- depois que toda ameaça tivesse sido eliminada, a tropa de Marines (fuzileiros navais) entraria na favela e faria uma varredura terminando o trabalho.

O jornalista novamente argumenta:

- Mas a comunidade poderia ser atingida provocando mortes de inocentes e, além do mais, todos tem direitos humanos e direito à prisão...

Dessa vez o general quem interrompeu:

- Então nesse caso quem vocês devem chamar é a policia.

xxxxxxxxxxxxxxxxxx

Não deixe de assistir ao vídeo anexo e veja onde os PTralhas conseguiram colocar os nossos soldados. É o emprego político das nossas FFAA, idêntico ao que já vem acontecendo há muito com as polícias militares.

https://www.youtube.com/watch?v=lENuMfa2ucI