MEMORIAL 31 DE MARÇO DE 1964

MEMORIAL 31 DE MARÇO DE 1964
Avião voa sobre a orla carioca em 31/03/2014, ostentando faixa com os seguintes dizeres: "PARABÉNS MILITARES - 31/MARÇO/64 - GRAÇAS A VOCÊS O BRASIL NÃO É CUBA". Clique na imagem acima para acessar MEMORIAL 31 DE MARÇO DE 1964 - uma seleção de artigos sobre o tema.

sexta-feira, 18 de março de 2011

Capitanismo na TV

Capitão Luis Fernando e Tarso Genro


http://www.alertatotal.net/2011/03/dilma-quer-nomear-o-quanto-antes.html

Capitanismo na tevê

Lideranças do Movimento Capitanista foram procurados por um importante canal de televisão de rede nacional, que estará fazendo uma série de reportagens sobre a "Ditadura Militar".

Essa TV solicitou ajuda aos jovens oficiais a fim de encontrar pelo menos um "oficial de ontem" que seja voluntário a falar publicamente em defesa da Ditadura Militar, das violações dos Direitos Humanos praticados àquela época, e se concorda ou não com a instauração da Comissão da Verdade.

A Produção da tevê exigiu que é necessário que seja pessoa física, não podendo estar sob o manto de um clube ou associação classista.

Procura-se

Por incrível que pareça, nem os membros do movimento, nem tampouco a referida TV conseguiu encontrar sequer um jovem militar de ontem para dar declarações públicas!

Caso haja algum "militar de ontem" que possa se expor publicamente e conceder uma entrevista sobre o assunto, o movimento capitanista divulga seu email de contato:

capitanismo@gmail.com


Outra queda programada

A realização de palestras sobre 31 de março de 1964, passando por cima da orientação do Ministério da Defesa e da Presidência da República, pode ser a gota d´água para a queda do ministro Nelson Jobim.

Dilma também já decidiu que irá substituí-lo na Defesa, assim que houver condições.

Ou se algo muito grave acontecer que ponha em risco a capacidade do ministro de enquadrar os militares.

Contra-ordem?

A chefona-em-comando Dilma Rousseff resolve, até este fim de semana, se dará ou não ordem ao ministério da Defesa para que os Comandos Militares não comemorem a “Redentora” no Dia 31 de Março.

Insatisfeitos, Generais do Alto Comando do Exército, de quatro estrelas, vão pessoalmente comandar eventos na linha de “não se apagar e nem se reescrever a História”, como pretendem os petistas com a Comissão da Verdade.

Os Quatro estrelas Heleno e Américo já mandam convites para suas palestras sobre 31 de março.
31 de Março

O Comandante Militar do Nordeste, General de Exército Américo Salvador de Oliveira, convida para a Solenidade Militar alusiva à “Revolução Democrática de 31 de Março de 1964".

Será no Quartel-General do Comando Militar do Nordeste, 31 de março, a partir das 9 horas da manhã.

O CMN fica no km 7 da BR 232, em Curado, Recife (PE).

Evento similar

Acontece no Auditório do Departamento de Ciência e Tecnologia do Exército, em Brasília.

O General de Exército Augusto Heleno dará uma palestra sobre o tema: A Contrarrevolução que salvou o Brasil.

Será também no dia 31 de março, a partir das 9h 15min.

Clube Militar

“A Revolução de 31 de Março de 1964 - Com os Olhos no Futuro”.

É o tema do painel que o Clube Militar promove na sexta-feira que vem, dia 25 de março, das 15h às 17 horas, no Salão Nobre da sede da instituição, no Centro do Rio de Janeiro.

Os palestrantes serão Sandra Cavalcanti, Ives Gandra Martins e Sérgio Augusto de Avellar Coutinho, tendo como mediador Rodrigo Constantino.

Quem faz o convite é o General de Exército Renato Cesar Tibau da Costa, Presidente do Clube Militar.

Expectativa

Não se sabe ainda se evento semelhante para lembrar 31 de março acontecerá em São Paulo.

O certo é que, no dia 31, haverá uma cerimônia, provavelmente interna, para confirmar a promoção à General de Exército de Adhemar Machado da Costa Filho.

Quarta-feira passada, ele assumiu o Comando Militar do Sudeste ainda como General de Divisão (três estrelas).

Cotado para ser futuro Comandante da Força. o General Adhemar é considerado um dos oficiais mais brilhantes do Exército, por suas inúmeras notas 10 e condecorações ao longo da carreira militar.


Obs.: Para conhecer algo mais sobre o capitanismo e os melancias petistas dentro do Exército Brasileiro, acesse http://resistenciamilitar.blogspot.com/2010/07/capitanismo-no-espirito-de-lamarca.html, http://www.ternuma.com.br/ternuma/index.php?open=20&data=286&tipo=1, http://www.webartigos.com/articles/13476/1/Capitao-Luis-Fernando-Falsissimo/pagina1.html e http://www.militar.com.br/modules.php?name=BlogMilitar&file=display&jid=546 (F. Maier).