MEMORIAL 31 DE MARÇO DE 1964

MEMORIAL 31 DE MARÇO DE 1964
Avião voa sobre a orla carioca em 31/03/2014, ostentando faixa com os seguintes dizeres: "PARABÉNS MILITARES - 31/MARÇO/64 - GRAÇAS A VOCÊS O BRASIL NÃO É CUBA". Clique na imagem acima para acessar MEMORIAL 31 DE MARÇO DE 1964 - uma seleção de artigos sobre o tema.

sábado, 10 de janeiro de 2009

Marquinho "Top Top" e sua opção preferencial pelo Hamas



“Marquinho Top-Top”, travestido de "mártir do Hamas", diz em entrevistas que a ofensiva de Israel contra o Hamas na Faixa de Gaza, que já dura 11 dias, é "terrorismo de Estado" e se segue a um histórico de descumprimento de resoluções da ONU contra o país no que se refere à questão palestina.

Mas na mesma entrevista, a revista VALOR, diz que a crítica ao governo israelense não deve ser vista como oposição a Israel, país que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva quer visitar ainda este ano. É bom avisar ao Hamas a data para não jogarem mísseis durante a permanência de Lula, se é que Israel irá aceitar sua presença em seu território.

- Israel é intocável, mas o governo de Israel não pode permitir que isso seja uma justificativa para qualquer tipo de ação - afirmou Garcia, que acrescentou não querer favorecer nenhum dos lados no conflito, mas buscar uma alternativa aceitável para a paz na região, destacando que o governo brasileiro tem sido enfático em condenar as ações terroristas contra o Estado de Israel e o anti-sionismo.

Nunca vimos o governo brasileiro protestando de qualquer atuação do Hamas.

Mais moderado, o ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, criticou a perda de vidas humanas e o uso "desproporcional" de força na ofensiva israelense contra os palestinos. Em conversa telefônica na segunda-feira com a ministra de Relações Exteriores israelense, Tzipi Livni, Amorim defendeu um cessar-fogo imediato e sugeriu o envio de uma missão observadora.

Então fica a pergunta: quem fala pelo Brasil em questões internacionais, o defectível, Marco Top-Top ou o perdido Celso Tamborim?

Obs.: Texto recebido por e-mail (F. Maier).